sábado, 17 de outubro de 2015

Etiqueta à Mesa – Regras e Boas Maneiras



A etiqueta à mesa é muito mais do que um conjunto de regras. Portar-se bem nas refeições faz parte da autopromoção da sua imagem e demonstra o quanto você se importa em fazer uma boa presença à sua companhia na hora de sentar-se à mesa. Além disso, em ocasiões como encontros profissionais e de negócios, seguir a etiqueta à mesa é também uma forma de expressar profissionalismo, respeito e segurança.



Os talheres e suas formas de uso são os pontos que mais confundem as pessoas quando se deparam com um jantar ou almoço formal – e se engana quem acha que esse tipo de situação já ficou no passado. Conheça agora as duas formas vigentes de regras de etiqueta à mesa: o estilo americano e o estilo europeu.


Etiqueta à mesa americana

As regras americanas são as regras mais modernas e, também, mais usadas. O garfo é usado na mão direita, enquanto a faca descansa na parte superior do prato, com a serra voltada para dentro. Na hora de usar a faca, troca-se de mão: o garfo vai para a mão esquerda e a faca é usada com a mão direita. Após isso, volta-se para a posição inicial: faca descansando, garfo na mão direita. Seguir as regras americanas implica em não usar a faca para “ajuda” a colocar a comida no garfo.

Na hora de descansar os talheres no prato, a faca fica na parte superior e o garfo pode ficar tanto na direita, quanto na esquerda (depende apenas se você é canhoto ou destro). Os dentes podem ficar virados para cima.



Etiqueta à mesa europeia

O estilo europeu de etiqueta é o mais sóbrio e tradicional. Nele, durante todo o tempo o garfo fica na mão esquerda e a faca na mão direta. Durante todo o tempo o garfo é usado com os dentes para baixo (a não ser, claro, quando seja impossível usá-los assim). No modo europeu é permitido usar a faca para colocar a comida no garfo, porém, somente apenas na parte traseira dele.

Para descansar os talheres no prato, o garfo fica do lado esquerdo e a faca do lado direito, podendo tocar-se ou não.




Regras gerais de etiqueta à mesa

Seja seguindo um estilo ou outro, algumas regras são universais e também devem ser aplicadas. Veja abaixo:

A clássica dica de “comece a usar os talheres de fora para dentro” é realmente válida.
Depois de serem colocados em uso, os talheres não devem mais ser encostados na mesa, apenas apoiados dentro do prato conforme o estilo de etiqueta a ser usado (europeu ou americano).

De forma alguma gesticule com os talheres em mãos. Sempre que for falar, coloque-os apoiados no prato.

Para sinalizar ao garçom que você está satisfeito, coloque o garfo e a faca alinhados no prato, sendo o garfo ao lado esquerdo ou abaixo da faca. Para um entendimento mais claro, eles devem seguir as posições do ponteiro do relógio quando atinge às 4 horas ou às 6 horas.

Os talheres que não forem usados continuam na mesa, intocados.
As facas de carne são utilizadas apenas para carnes vermelhas e aves. Os peixes têm a sua faca própria, que normalmente é usada apenas para afastar peles e espinhas que possam aparecer. Omeletes, legumes e outros alimentos devem ser cortados com o garfo.

Massas como espaguetes e talharins não devem ser cortados. Enrole alguns poucos fios no garfo e leve à boca.

Na hora de tomar uma sopa, leve a colher à boca pela lateral. Incline-se um pouco para frente e evite que gotas caiam sobre a sua roupa.

A elegância e a discrição são os carros-chefe da etiqueta à mesa. Com a correria do dia a dia e refeições cada vez mais sendo feitas rápida e informalmente, as etiquetas acabam sendo deixadas apenas para datas muito especiais; entretanto, elas não devem ser deixadas de lado. Com prática e treino, tais atos se tornarão naturais, até mesmo fora das formalidades.

Postagens populares